Brunna Colossi: a “guria do tempo” virou apresentadora de TV

Brunna Colossi: a “guria do tempo” virou apresentadora de TV

27 de agosto de 2020

Em 2017 a jornalista Brunna Colossi estampou a capa da Vanguarda do mês de março, uma edição totalmente dedicada às mulheres. De lá para cá, muita coisa mudou na vida da “guria do tempo”. Ela cresceu na vida pessoal e profissional: casou, mudou de emissora e ganhou um programa só para ela.

Em fevereiro, Brunna se despediu da trajetória que durou nove anos dentro da RBSTV e passou a ser a apresentadora do programa MasBah!, do SBT. Uma nova jornada que tem sido um desafio muito especial para a jornalista que já vinha planejando uma mudança profissional.

 Estava sentindo a necessidade de ter mais tempo pra mim e pra minha família. Não queria mais acordar na madrugada pra trabalhar e estava percebendo que meu trabalho estava muito no “automático”. Quando avaliei todas as minhas perspectivas de crescimento entendi que já não era mais o que eu queria pra mim. Entendi que eu queria mudar, fazer coisas novas, me sentir desafiada; queria mais qualidade de vida”, revela.

E sabe aquele ditado que diz “se der medo, vai com medo mesmo”? Pois foi exatamente o que Brunna fez, afinal, foram nove anos na mesma empresa, onde ela avalia que teve muitas oportunidades e conseguiu o reconhecimento do seu trabalho por parte do público.

“Sempre amei meu trabalho, mas queria o frio na barriga novamente, queria ser mais eu, mais leve. Ter mais liberdade pra me relacionar com meu público”, expressa.

A experiência na nova emissora tem comprovado até o momento que a escolha foi bem feita. A jornalista revela que foi acolhida por uma equipe incrível que a trata com muito respeito e que a ensina também. “É maravilhoso trabalhar com pessoas que inspiram, que torcem por você. é um lugar onde todos crescemos juntos o tempo todo. Me sinto apaixonada!”.

O trabalho está sendo bem diferente de tudo que ela tinha vivenciado dentro do jornalismo. Em alguns momentos é preciso até ser atriz para dar conta das pautas divertidas e bem humoradas.

“Precisei me soltar, (ainda estou nessa fase), entender como funciona o entretenimento, o que vale matéria, qual a linguagem certa. Agora sou desafiada a todos os dias criar coisas novas”, ressalta.

Recém Casados

Mas não foi só a vida profissional que ganhou um novo rumo. Brunna também encontrou o amor de sua vida e firmou o compromisso, há seis meses, numa cerimônia rodeada pelos amigos e pela família.

“A vida mudou por completo e eu estou muito feliz! Encontrei um parceiro de vida, o Fábio é meu conselheiro, meu amigo, meu parceiro, meu amor. Por ser jornalista, comunicador, conseguimos trocar muitas ideias e assim ele também me ajuda profissionalmente. Estamos sonhando juntos e construindo uma realidade que amamos, da qual somos muito gratos”, afirma.

Pandemia

Como era de se esperar, a pandemia também afetou um pouco o trabalho na TV, adiando vários planos que a produção tinha para o programa.Não conseguimos fazer a minha primeira viagem até o SBT em São Paulo para participar de programas nacionais e divulgar essa nova fase do Masbah!. Temos muitas viagens engavetadas, muita coisa legal vai vir e isso posso garantir”, diz.

Atualmente a produção do MasBah! também teve que se adequar aos protocolos de saúde da OMS, gravando apenas o possível com todos os cuidados necessários para o programa não parar.

“Já estreei na pandemia, tínhamos alguns programas iniciais gravados, ficamos apreensivos sem saber como seria o futuro. Mas estamos conseguindo levar todos os finais de semana um programa inédito e feito com muito amor pros nossos telespectadores porque entendemos que entretenimento também é importante pra nossa saúde mental, ainda mais agora”, sublinha.

Mas esse “novo normal” não desamina a simpática apresentadora que enxerga com positividade um futuro não muito distante.

“Estamos sendo desafiados todos os dias, precisando exercitar o amor ao próximo, o autocontrole, a perseverança. Diante de tantas perdas, em todos os sentidos, ainda tem gente que conseguiu se reinventar, tem gente se descobrindo, tirando antigos sonhos do papel. Como sou otimista por natureza, acredito que sairemos fortalecidos e talvez mais solidários quando tudo isso passar”, conclui.

 

 

 

Comentários